Volta 2016, estás perdoado!

Como a Sra. Saltos disse no post anterior, 2017 não começou de todo bem para nós. Uma das razões foi porque no dia 6 de janeiro fui assaltado. Não quero com isto vir para aqui fazer de vítima, nem nada disso, mas sim falar um pouco sobre o assunto face aos eventos que nós já passámos num início de ano tão… mau. Está explicado então o nosso afastamento dos posts em geral e da interação com todos os que gostam ou seguem este blog, por isso não estranhem, que tanto eu como a Sra. Saltos apenas precisamos de algum tempo para voltarmos a realidade.

Voltando ao tópico do assalto, basicamente foi um evento violento onde três pessoas extorquiram de mim o meu telemóvel e a minha carteira à força. E agora perguntam vocês:

“Sr. Ténis, então porque não correste?”

O meu problema foi esse mesmo, que por ter feito o que habitualmente faço, me tramei bem tramado. Vou-vos poupar dos pormenores, mas agora imaginem-se a vocês a fazerem tudo o que fazem no vosso dia-dia a olhar sempre por cima do ombro, porque toda aquele sentimento de segurança que nós tínhamos desapareceu? Pois, neste momento sou eu, e tudo me faz lembrar a esse momento menos bom.

Imaginem cruzar-se na rua com pessoas cuja descrição é parecida com as pessoas envolvidas e terem aquele sentimento de medo e raiva ao mesmo tempo? Pois, também sou eu agora.

Gostava de poder ultrapassar isto rápido, mas não consigo contornar o facto de que eles não me roubaram apenas o telemóvel e a carteira. Roubaram-me tempo.

Pois é, o tempo que demorei a trabalhar para ter dinheiro suficiente para ter o telemóvel, o tempo que passei após o ocorrido a tentar reaver os meus documentos, o tempo que passei em filas de espera e a preencher papéis para segundas vias, o tempo que passei em deslocações que caso não tivesse ocorrido nada não teria de fazer… e ainda tempo de sono, porque devido à violência da coisa, não consigo dormir bem desde então. A parte boa disso é que as 03:00 dão filmes bastante bons (de 14ª categoria).

Pois é, esse tempo nunca o vou recuperar. E pior do que isso, sentir que as bases da nossa vida estão erradas… pois, sempre fui ensinado que trabalho árduo e esforço trazem grandes recompensas, e estes “gatunos” apenas precisaram de 5 minutinhos, uma faca e uma corridinha para fazerem o dia. Fez-me pensar que 5 minutos de anarquia custaram-me quase 2 verões de trabalho da minha vida “civilizada”.

E ainda, para melhorar, saí deste evento com um corte no dedo, que apesar de nada sério, deu comichão, dores e incomodou bastante durante esta semana. Não pude dar as minhas corridas porque este doía com as pancadas e os pontos podiam abrir. Não podia também tomar banho como deve de ser, porque este dito corte foi no meu dedo indicador da mão direita e eu sou? Dextro. Ou seja, este corte no meu dedo, atrapalhou tudo o que fiz durante esta semana, por isso todos os que estão a ler isto podem aproveitar e dar um beijinho ao vosso indicador só para mostrarem o vosso apreço pelo vosso fantástico dedo. Força, vá lá, isso mesmo, ele agradece.

Que início para 2017 hun? A seguir o que falta?

Anúncios

2 comentários em “Volta 2016, estás perdoado!

  1. O meu 2016 tb nao acabou muito bem,e o 2017 tbs tem vindo a repercutir disso mesmo…nao s compara uma situacao com a outra pq sei bem q a tua é mais “dolorosa”,mas ilumina nos a mente e a alma saber q tudo passa e tendo o apoio de quem amamos tudo s ha de compor.

    Curtir

    1. Olá Pedro,
      Pois é, parece que as coisas não andam fáceis. Quanto ao Sr. Ténis, é verdade que apanhou um grande susto. Quanto a ti, embora não saiba o que se passou, espero que recuperes rapidamente. Ainda vamos a tempo de salvar o ano!
      Beijinho,
      – Sra. Saltos

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s